domingo, 12 de novembro de 2017

Maria Emilia B. Teixeira


Quem vive de sentir, tem um coração nadador que mergulha fundo sem medo de ser feliz.
Coração que gosta da zona de conforto aceita qualquer um, para ele o importante é não ficar sozinho e geralmente vive uma relação vazia, superficial... Sem sal.
Coração exigente demais, flerta com a solidão.
Coração com desejo faz a vida valer a pena.
Coração com uma má experiência anterior fica com com pé atrás e poderá perder quem realmente merece conhecer  por medo de recomeçar.
Coração de louça não é forte o suficientemente para perdoar.
Coração de gelo não se derrete por ninguém. Prefere ser ímpar.
Coração bandido, se aproxima para roubar sua subjetividade.
Coração acorrentado no passado não se permite ter uma história nova no agora.
Coração foi feito para morar do lado de fora do peito, expondo visivelmente suas intenções.
Coração doador, quando encontra outro batendo igual é só amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário.