sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Maria Emilia B. Teixeira



 Esperança 

Só mesmo Deus...
Para fazer agente acreditar em dias melhores
e ter a paciência de esperar... Por presentes divinos.

Maria Emilia B. Teixeira


Com que máscara eu vou?


Não faço parte e não compactuo com jogo de hipocrisia.
Não me desce pela garganta certas encenações...
Tudo isso tem gosto amargo e intragável,
Muito difícil digerir.
Os hipócritas ao acordar
Dependendo da sua agenda
Escolhem a máscara a ser usada.
A desculpa deles para a hipocrisia é:
Tenho educação.
O nome disso é falsidade e enganação.
Usam a palavra educado para justificar
Falta de personalidade e caráter.
Isso é deboche!



quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Maria Emilia B. Teixeira


 Escrever 

Se o que falo procede do meu coração.
O que aqui deixo escrito é fruto do que está dentro dele e dos meus pensamentos.
O resultado do texto ou da frase.
Depende da colheita do dia ou da vida.

domingo, 13 de fevereiro de 2011

Maria Emilia B. Teixeira



Quem não quer ser alvo de energias negativas, que vá repensar e mudar sua maneira de agir com seu semelhante.
Se despertou no seu próximo os piores sentimentos, foi porque o erro  e a falha partiu de você primeiro.
Não faça para o outro aquilo que não quer que façam contigo.
Pensei nisso!

sábado, 12 de fevereiro de 2011

Maria Emilia B. Teixeira


Bolhas de sabão

Impressionam pela beleza, porém são vazias e ocas por dentro.
Sem conteúdo, frasco vazio.
Algumas pessoas se assemelham a elas.

Maria Emilia B. Teixeira


Xeque-mate


É preciso às vezes esperar o momento da tal hora "H".
Para dar um xeque-mate no jogo da vida...
Para poder recomeçar uma nova partida.

domingo, 6 de fevereiro de 2011

Maria Emilia B. Teixeira


 A mascarada no ambiente de trabalho

Tenho nojo de pessoas sem personalidade, que se vendem fácil para conseguir seu objetivo, que é destruir quem está acima delas, e é superior em tudo e na verdade é o que elas queriam ser.
Hipócritas! Que estão sempre dispostas a se venderem, por qualquer preço; falta de profissionalismo e baixa alta estima.
Mascaradas, que em determinados contextos da vida e no seu cotidiano vivem trocando suas máscaras com a maior cara-de-pau, subestimando a inteligência alheia. Para ofuscar o brilho de pessoas do seu convívio.
São capazes de tudo, até de vender a sua alma.
Iludem-se com esse disfarce ridículo.
São verdadeiras lobas em pele de ovelha.
Enganam a si próprias.
Exige das “colegas” parceria, mas não é parceira de ninguém, pois não tem essa qualidade.
Pobre de quem se deixa enganar por elas, porque viram fantoches em suas mãos e caem em suas artimanhas.
Dessas pessoas ou sei lá que nome usar, eu quero quilômetros de distância.