domingo, 19 de junho de 2016

Maria Emilia B. Teixeira


Na vida a gente realmente dança conforme a música... Gosto de Rock, motivo pela qual ela está sempre agitada.
Não aumenta o som, porque isso aqui é vida real.

terça-feira, 7 de junho de 2016

Maria Emilia B. Teixeira


Ninguém passa impune ao julgar a vida alheia.
Aquilo que você não quer para si, não se observa ou faz julgamentos...
Pois a vida pode te colocar em um quadro semelhante  ao qual pintastes dos outros.
Esse será o fruto da sua obra.
Aprenda que existe sempre algo por trás dos fatos e pessoas.
Cuide para que ao deitar a cabeça no travesseiro da consciência não tenhas um número à mais de carneiros para contar impedindo que durmas em paz
e tranqüilamente.
Cuidar da própria vida esse é o único dever que temos.

Maria Emília B. Teixeira


Uma família não sobrevive de sobrenome, ela vive de raízes, tradições e valores.
Uma família não sobrevive com membros egoístas e que não se respeitam, ela vive de afeto, amor e respeito as diferenças.
Uma família não sobrevive em terrenos áridos e gelados de sentimentos, ela vive de reciprocidade e empatias.
O verdadeiro sentido de uma família está acima de qualquer valor material.
Ela resiste as distâncias de quem precisou alçar novos vôos.
E recebe com festa os que regressam para pousar na árvore mãe.