terça-feira, 28 de março de 2017

Maria Emilia B. Teixeira


O coração tranborda do que é cheio e eu transbordo em palavras... Tem algumas que doem e não podem ficar represadas, elas precisam desaguar e perder um pouco a intensidade sem perder o sentido do recado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário.