sábado, 3 de setembro de 2016

Maria Emilia B. Teixeira


Foi conversando com o silêncio que aprendi a não falar nada para ninguém.
Não abro o meu coração para quem não sabe interpretar a leitura de sentimentos.

2 comentários:

  1. Não raro é o em silêncio dos gritos o mais intenso.
    GK

    ResponderExcluir
  2. É no silêncio que se diz muito... Isso para quem sabe decifrar um olhar,pois através dele escapam algumas verdades.
    Obrigada pela visita GK.

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu comentário.