domingo, 14 de outubro de 2012

Maria Emilia B. Teixeira



Meu caderno me conhece muito bem.
Ele recebe sem críticas e julgamentos... Tudo o que eu escrevo.
Ele tem o código do meu coração.
Ele tem sido a minha melhor companhia em momentos só meus que compartilho com ele.
Ele me oferta o seu espaço, onde em suas linhas eu desenho o que sinto.
Nele vou deixando minha marca em suas folhas...
Com a pressão da minha emoção.
Ele não se importa quando lhe molho o seu papel.
É generoso.
E simplesmente acolhe e guarda.
O meu sentimento...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário.