domingo, 9 de junho de 2013

Maria Emilia




Eu sempre irei rascunhar as minhas palavras no papel.
Insistentemente elas pedem isso para mim.
Pensamentos e sentimentos... Uma dupla lado a lado.
Onde uma começa e a outra termina.
Eu começo e recomeço a sua vontade e verdade.
De momentos... Solitários.
Sou uma peça mal colocada em uma época totalmente errada.
Não me enquadro em nenhum quadro que pintem de mim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário.