quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Maria Emilia B. Teixeira


Ser livre é ir ao encontro daquela criança que fui um dia.
E deixar que ela retome parte do seu lugar na minha vida.
Trazendo de volta...
O seu brilho.
O sorriso largo.
E a espontaneidade do início da minha infância.
Deixando-a 
Lavar a alma.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário.