segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Maria Emilia B. Teixeira


Senta ao meu lado e venha escutar o meu silêncio... E enquanto o meu coração bater eu não desisto da gente.
Preciso de você aqui no meu presente.
No seu abraço sinto a reciprocidade nos seus batimentos acelerados.
Senta ao meu lado e vamos viver no agora os nossos momentos.
As pupilas dilatam, conversa de quem se ama e se entrega.
Depois vamos tomar um café que a nossa amiga insônia adora quem faz companhia para ela.
Aqui dentro de nós a conversa é sempre intensa e sem hora para acabar.

2 comentários:

Obrigada pelo seu comentário.