quarta-feira, 18 de março de 2015

Maria Emilia B. Teixeira


Por uma esperança cor de rosa que dure um tempão e sobreviva a qualquer intempérie, pois a verde... Amadureceu com a vida e foi embora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário.