quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

Maria Emilia


Não tenho muita intimidade contigo, mas aproveitando essa época em que você aparece como um passe de mágica, vestindo seu traje vermelho e totalmente fora da realidade e da data, pois sei que você combina melhor com o carnaval e iria fazer uma bela dupla com o Rei Momo, vocês iriam se divertir muito aqui no Brasil numa outra noite de fantasia.
Pois aqui a data e o momento não é de diversão é  pausa para uma reflexão...
Quero te dizer uma coisa que há muito tempo eu queria escrever essa cartinha para você. É um pedido papai Noel mascarado... Leve dentro do seu enorme saco de consumismo, a falta de solidariedade, a falta de sensibilidade, o egoísmo e a falsidade de algumas pessoas que nessa época do ano, se fantasiam, te imitam usando a sua máscara para iludir a outros e a si, porém quando passam essas últimas semanas de dezembro, exatamente a meia noite voltam a serem o que sempre foram... Indiferentes. Depois do banquete em volta de uma árvore sem frutos de humanidade e caridade, geralmente não se lembram dos menos desfavorecidos nessa longa e farta noite... Por favor! Leve para o seu polo norte esses corações e suas demagogias, pois combinam com o gelo que existe na sua terra.
 Papai Noel pare de roubar a cena do verdadeiro aniversariante, pois você não é digno de lavar os pés Dele... Ele é humilde e verdadeiramente humano, pois o seu olhar não passa despercebido para essas questões sociais e desiguais que precisam de um milagre e não são bem vindas magia de Natal.
O menino Jesus não carrega um saco, ele carrega as intenções do nosso coração.
Ele não está na árvore, ele é manjedoura e nos acolhe como irmãos.
Feliz Nascimento de Jesus!
O nosso abençoado presente de Natal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário.