quarta-feira, 18 de julho de 2012

Maria Emilia


Ainda sou aquela menina por quem você se encantou a primeira vista.
Ela ainda mora dentro de mim.
Você brincou com ela muito tempo...
Divertiam-se e interagiam.
Esqueceu do brinquedo?
Ela está numa nova versão.
Deixou de ser manipulável.
Tem vida própria.
Virou gente.
Uma verdadeira mulher.
Mais continua com nome de boneca, com alma de menina.
Que não esqueceu... Que ambos criaram laços afetivos no laço da vida.
Difícil de esquecer e apagar da memória.
Mas sabendo que terão outras histórias.
Com outras pessoas.
A vida segue o seu próprio destino.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário.