sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Maria Emilia B. Teixeira


 O orgulhoso

O orgulhoso vê o veneno a sua frente e toma, se autodestrói.
Segue em frente e não olha para trás.
Deixando de ver o que destruiu, e se limitando a reconstruir por orgulho.
Passa por cima dos próprios sentimentos e dos outros também.
Igualando-se a um robô.
Frio,
Insensível,
Ou doente?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário.